30 de maio

GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais
Maria da Penha ONLINE Governo do Distrito Federal
15/01/24 às 14h18 - Atualizado em 15/01/24 às 14h18

GDF declara estado de emergência pelas chuvas e define ações prioritárias

COMPARTILHAR

Plano de atuação terá foco em intervenções de infraestrutura em 12 regiões administrativas para garantir a segurança da população

A governadora em exercício Celina Leão decretou, nesta sexta-feira (12), estado de emergência em todo o Distrito Federal por conta das fortes chuvas que atingem diferentes regiões desde o início de janeiro. O Decreto nº 45.405, publicado em edição extra do Diário Oficial, mantém as equipes multidisciplinares do governo em prontidão para atender à população em situações de risco e minimizar os transtornos decorrentes das tempestades. O texto também prevê a mobilização de profissionais, veículos, equipamentos, maquinários e insumos necessários para o atendimento das ocorrências a qualquer hora do dia, sete dias por semana.

A partir do decreto, o GDF elaborou um plano de ação com medidas para a preservação da vida dos moradores das cidades que estão em áreas de risco e de acordo com as necessidades de cada localidade. Relatório da Subsecretaria de Defesa Civil aponta que regiões das cidades do Núcleo Bandeirante, Sobradinho, Sobradinho II, São Sebastião, Jardim Botânico, Estrutural/Scia, Setor de Indústria e Abastecimento (SIA), Sol Nascente/Pôr do Sol, Ceilândia, Fercal, Arniqueira e Itapoã, estão entre as áreas mais impactadas pelas fortes chuvas.

“Nosso ponto principal é cuidar da população. Já superamos o volume de chuvas previsto para o mês em apenas um dia. Então, precisamos estar preparados para novas emergências, trabalhando para garantir que a população não seja prejudicada. Não temos como prever o que vai acontecer de fato, mas temos como preparar a cidade para passar pela situação da melhor forma possível”, defende a governadora em exercício Celina Leão.

Estado de alerta

De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), o Distrito Federal está em estado de alerta laranja, que sinaliza risco de chuvas intensas. O volume de chuvas pode chegar a 60 mm/h ou até 100 milímetros em 24 horas, com ventos intensos de até 100 km/h.

Mapa do site Dúvidas frequentes